Casamento, o Principal Ministério


                                         
Deus o levará a um relacionamento com alguém, na maioria das vezes, que não é apenas incompatível com você (diferente), mas que é fraco - tremendamente fraco - exatamente nas áreas que você quer que essa pessoa seja forte. Agora, por que Deus faz isso? Eu te digo o porquê... lembre-se do texto:

Romanos 8:28 e 29 :*E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito.Porque os que dantes conheceu também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos*.
Qual é o objetivo, em tudo que Deus faz em providência para seus filhos? Para conformá-los à imagem de Cristo. Agora, quando você pensa na imagem de Cristo, quais são algumas das características que surgem automaticamente em nossa mente? Bem, para mim, três:
*Amor incondicional
*misericórdia
*graça

Se pegar essas três coisas que falei, você pode imitar Cristo nelas. É disso que eu me lembro: Amor incondicional, misericórdia e graça.

Agora, deixe-me fazer algumas perguntas:

Como você aprenderá amor "incondicional" se você está casado com alguém que cumpre todas as condições?
Como você aprenderá "misericórdia", paciência, longanimidade, amabilidade, compaixão, se você está casado com alguém que nunca falha com você? Que nunca é duro com você? Que nunca peca contra você? Que nunca reconhece seu pecado para pedir perdão?

Como você aprenderá “graça” ou “derramar seu favor” em alguém que não merece, se você é casado com alguém que sempre merece todas essas coisas boas?

Você vê isso?

Ouça-me, o propósito principal do casamento é que através do seu casamento, você se torna conforme a imagem de Jesus Cristo.
Casamento, eu creio, é o maior instrumento de santificação. Você é casado com uma pessoa que não atinge todas aquelas condições, para que você possa aprender “amor incondicional”. Você é casado com uma pessoa que precisa de misericórdia, então você aprende a concedê-la. Você é casado com uma pessoa que não merece. Então você aprende a dar-se por aquela pessoa que não responde apropriadamente, então você se torna “como” o Deus que você adora.

Veja, você adora a Deus por essas coisas, mas não quer dar isso a outros!

Você adora a Deus pela “graça”... mas trata sua esposa ou seu esposo de tal maneira como se não precisasse disso.

Você adora a Deus por seu “amor incondicional”, mas você fica irritado com sua esposa ou seu esposo quando não atinge suas exigências.            Percebeu?

Leia o que a palavra do Senhor,e veja o que ela nos ensina em Filipenses 2: 5 ao 8.
*Seja a atitude de vocês a mesma de Cristo Jesus, que, embora sendo Deus,não considerou que o ser igual a Deus
era algo a que devia apegar-se; mas esvaziou-se a si mesmo,
vindo a ser servo, tornando-se semelhante
aos homens. E, sendo encontrado
em forma humana, humilhou-se a si mesmo
e foi obediente até a morte, e morte de cruz!*

Deus abençoe vocês.
Texto:
Paul Washer



Sandro & Michelle
Casamento Sarado
Tel: 3003-3700
Email: casamentosarado@gmail.com


4 comentários:

  1. Sábios ensinamentos, muito tem me ajudado.

    ResponderExcluir
  2. excelente post acredito nesse ministério e deixo um site que tem contribuído com muitos casais também, parabéns pelo blog! http://salvarocasamento.com.br/

    ResponderExcluir